Guia do técnico: Equipment Asset Tracker - Com fios (para o Reveal)

Isto é uma página impressa que pode estar desatualizada. Para ter acesso aos conteudos mais recentes, visite https://device-help.verizonconnect.com.

Skill level: Advanced

Os instaladores devem saber trabalhar com os sistemas elétricos e de arranque do veículo e como utilizar relés, díodos e entradas dos sensores.

Este guia descreve como instalar um Equipment Asset Tracker (EAT) e destina-se a instaladores profissionais.

Os instaladores já familiarizados com a instalação do dispositivo EAT podem optar por utilizar a aplicação Reveal Hardware Installer e seguir as instruções aí contidas.

EAT_product_shot.png

Neste guia:

Os dispositivos EAT e EAT-B têm um aspeto semelhante. Este guia destina-se aos dispositivos EAT que possuem um feixe de fios de alimentação de E/S integrado.

Passo 1: Reunir as suas ferramentas

  • Berbequim sem fios com brocas métricas e padrão. Para obter os tamanhos do equipamento de montagem, consulte o Passo 2;
  • Óculos de proteção ou outra proteção ocular;
  • Marcador para assinalar os locais de perfuração;
  • Se fizer um orifício de passagem, uma anilha e silicone para vedar a anilha. (Utilize silicone à base de poliuretano, em vez de silicone com agentes de secagem de base ácida, para evitar a corrosão de superfícies metálicas);
  • Terminais de anel termorretráteis;
  • Conectores de topo termorretráteis;
  • Fio de proteção;
  • Massa dielétrica;
  • Fita de isolamento elétrico Super 33 ou de qualidade superior;
  • Fio de calibre 16–18 (1,5–0,75 mm2) para extensão das ligações, se necessário;
  • Braçadeiras para fios;
  • Aplicação Reveal Hardware Installer: transfira a aplicação a partir do

Passo 2: Verificar o conteúdo da embalagem

What's in the box.jpg

  • Dispositivo EAT com feixe de fios de 4,5 m (15 pés) ligado;
  • 4 parafusos autoperfurantes para metal: cabeça hexagonal padrão de 8 mm (5/16 polegadas), tamanho número 12, comprimento de 25 mm (1 polegada);
    screws.png
  • 4 cavilhas: cabeça hexagonal de flange dentada de 8 mm (5/16 polegadas), rosca 10-32, comprimento de 32 mm (1 ¼ polegada) e largura de parafuso de 5 mm (0,19 polegadas);
    bolts.png
  • 4 porcas de retenção com cabeça de 9,5 mm (3/8 polegadas);
    nuts.png
  • 4 anilhas, tipo plano.
    washers.png

Antes de perfurar, obtenha sempre permissão e certifique-se de que não irá danificar o equipamento adjacente ou as estruturas de ROPS. Consulte o artigo de ajuda de identificação de ROPS para obter mais informações sobre a identificação das estruturas de ROPS.

Dependendo do local de montagem do dispositivo, pode utilizar os parafusos ou as cavilhas com porcas de bloqueio e anilhas fornecidos para montar o dispositivo. Se utilizar parafusos ou cavilhas, a perfuração prévia dos orifícios pode facilitar a tarefa. Consoante a aplicação, podem também ser utilizadas braçadeiras e fita VHB para montar o dispositivo.

  • Caso não consiga determinar quais as peças que compõem a estrutura de ROPS definida pelo fabricante, deve envidar sempre esforços razoáveis para montar os dispositivos em localizações onde estes possam ser fixados com braçadeiras e fita VHB.
    • Utilize pelo menos duas fitas VHB com 25 mm (1 polegada) de largura colocadas em todo o comprimento das extremidades do lado mais longo do localizador de ativos.

Passo 3: Identificar as peças do dispositivo

01 - EAT_labels.png

  • Orifícios de montagem (um em cada canto) (1);
  • Etiqueta do dispositivo com o número de série (SN) e o número de identificação internacional de equipamento móvel (IMEI) (2);
  • LED de estado para bateria, rede e GPS (3);
  • Botão de estado para ativar o dispositivo, executar um teste de estado e enviar um relatório (4);
  • Feixe de fios de 4,5 m (15 pés) (5).

O número de série (SN) e o número IMEI do dispositivo também se encontram na etiqueta da caixa.

Premir o botão de estado não desliga o dispositivo.

Passo 4: Registar o número de série do dispositivo

Registe o número de série do dispositivo (SN). Este número será necessário mais tarde, para confirmar que o dispositivo estabeleceu ligação ao Reveal.

O número de série do dispositivo encontra-se na etiqueta do dispositivo (consulte o Passo 3 acima).

Se estiver a utilizar a aplicação Reveal Hardware Installer, a aplicação dá-lhe instruções para ler a etiqueta. Tanto a etiqueta do dispositivo como a etiqueta da caixa são passíveis de leitura ótica.

Passo 5: Ativar e testar o dispositivo

Na aplicação Reveal Hardware Installer, à medida que avança nos passos de instalação, receberá a instrução para premir o botão de estado do dispositivo antes de montar o dispositivo. Esta ação ativa e testa o dispositivo.

  1. Coloque o dispositivo no local de montagem.
  2. Prima o botão de estado firmemente durante 1–3 segundos para ativar o dispositivo.*
    • Evite premir o botão de estado durante muito tempo, pois isso pode colocar o dispositivo no modo de emparelhamento Bluetooth. As funcionalidades Bluetooth não são atualmente suportadas pelo dispositivo. Se colocar o dispositivo no modo de emparelhamento Bluetooth, aguarde cerca de 30 segundos até o LED Bluetooth deixar de piscar e, em seguida, prima o botão de estado durante 1–3 segundos para reiniciar a verificação de rede.
  3. Prima novamente o botão de estado para iniciar a verificação de estado.
  4. Verifique os LED de estado. (Consulte a tabela na secção LED de estado abaixo.)

* Nota para os modelos anteriores

Se o HW Rev do seu localizador for "A.1.1" ou inferior na etiqueta do dispositivo, é necessário aplicar força adicional para premir o botão de estado.

06-EAT_HW_Rev.png

Em vez de utilizar apenas o dedo, utilize uma caneta com tampa num ângulo para premir a extremidade inferior do botão durante 1–3 segundos para ativar o dispositivo.

EAT_with_capped_pen.png

Ao ligar o dispositivo pela primeira vez, poderá ser necessário premir duas vezes o botão. Deve premir a primeira vez para ativar o dispositivo e a segunda para iniciar a verificação de estado da rede.

LED de estado
EAT_status_LEDs.png

O dispositivo executa um teste de estado para a bateria, a rede e o GPS sempre que o botão de estado é premido. Os resultados do teste de estado são apresentados nos LED de estado conforme se descreve em seguida. Os LED permanecem acesos apenas por um curto período. Contudo, é possível repetir o teste premindo novamente o botão de estado, o que é útil para determinar o melhor local para montar o dispositivo no ativo.

Ícone Nome Estado
Battery_LED.png Bateria
  • Pisca 1 vez = carga entre 10 e 25%;
  • Pisca 2 vezes = carga entre 25 e 50%;
  • Pisca 3 vezes = carga entre 50 e 75%;
  • Pisca 4 vezes = carga entre 75 e 100%.
Network_LED.png Rede
  • Pisca lentamente: o dispositivo está a procurar rede.
  • Fixo: ligação de rede encontrada.
GPS__LED.png GPS
  • Pisca lentamente: o dispositivo está a procurar o GPS. Não indica o estado de falha/sucesso. Verifique o Mapa em direto na aplicação Spotlight ou no Reveal para confirmar a comunicação da localização.
BlueTooth__LED.png Bluetooth
  • Neste momento, o dispositivo não suporta funcionalidades Bluetooth acessíveis ao cliente. Se o botão de estado for premido durante mais de 3 segundos, o dispositivo ignorará o teste de rede e entrará no modo de emparelhamento Bluetooth. Se o modo de emparelhamento Bluetooth for ativado:
    1. Aguarde que o LED Bluetooth se apague e
    2. Prima o botão de estado durante um período mais curto (1–3 segundos) para reiniciar a verificação de rede.

Passo 6: Escolher um local adequado para montar o dispositivo

Uma instalação que exija a utilização de uma escada não é aconselhável. Contudo, no caso de trabalhos em altura, é da responsabilidade do instalador garantir a utilização de equipamento de segurança e a observação dos procedimentos de segurança devidos.

O local onde o dispositivo é montado depende, em parte, do tipo de ativo.

São necessárias ligações de rede e GPS no local de montagem.

  1. Coloque o dispositivo no local onde o pretende montar.
  2. Teste a rede e o GPS premindo o botão de estado do dispositivo e verificando as luzes emitidas pelos LED de estado.
  3. Se os LED não indicarem uma ligação correta à rede e uma posição da localização GPS, escolha outra localização e teste novamente até obter corretamente a ligação de rede e a posição GPS.
  • Certifique-se de que o próprio ativo não se encontra num local onde a intensidade dos sinais de rede e GPS possa diminuir durante a instalação, como, por exemplo, sob uma estrutura de metal.
  • Mantenha o dispositivo afastado de peças móveis ou áreas que o exponham a detritos da estrada ou pulverização de água de alta pressão. Além disso, não monte o dispositivo perto de máquinas geradoras de calor.
  • Não recomendamos a montagem do dispositivo virado para baixo, debaixo do ativo, porque as interferências do solo podem prejudicar a precisão dos relatórios.

Locais possíveis:

  • Em cima do engate de reboque;
  • Na longarina de engate;
  • Nas longarinas laterais;
  • Na antepara frontal.

O dispositivo é montado num passo posterior.

Passo 7: Configurar o dispositivo

Se o dispositivo EAT for instalado utilizando uma ligação de 2 fios, defina-o para uma configuração de 2 fios da seguinte forma:

  1. Obtenha o número de série do dispositivo (consulte o Passo 4: Registar o número de série do dispositivo).
  2. Contacte a linha de assistência técnica e forneça o número de série do dispositivo.
  3. Peça que o dispositivo seja definido para uma configuração de 2 fios.
    Atualmente, a configuração de um dispositivo EAT de 2 ou 3 fios só pode ser definida através da assistência técnica.

Utilizar a aplicação Reveal Hardware Installer

Reveal_Install_logo.png

Quando utilizar a aplicação Reveal Hardware Installer, antes de montar o dispositivo no ativo, execute o seguinte:

  1. Selecione a ordem de serviço e, em seguida, proceda à leitura do código de barras do dispositivo ou introduza o ESN do dispositivo.
    Scan_the_device.png
  2. Selecione Multi PWRD Asset Devices na lista (tenha em atenção que a seleção aplica-se a todos os localizadores de ativos, com ou sem motorização).
    Select_Serivce_Type.png
  3. Teste o dispositivo para verificar a conetividade de rede e a posição da localização GPS (consulte o Passo 5: Ativar e testar o dispositivo e a secção LED de estado). Activation_and_testing.png
  4. Selecione o método de ligação (2 fios ou 3 fios) (consulte Ligar o dispositivo). Wiring_the_EAT.png
  5. Introduza as informações do ativo. EAT_Asset_Details.png
  6. Ligue os fios e monte o dispositivo no ativo (consulte o Passo 9: Montar o dispositivo). Depois de ligar os fios e antes de proceder à montagem, prima novamente o botão de estado para se certificar de que os LED de rede e GPS acendem quando o dispositivo está ligado. Mount_the_EAT_device.png
  7. Conclua a instalação e a ativação do dispositivo. EAT_Setup_Complete.png

Atualmente, a configuração de um dispositivo EAT (de 2 ou 3 fios) só pode ser definida através da assistência técnica.

Ligar o dispositivo

Passo 8: Ligar o dispositivo a uma fonte de alimentação

Neste passo:

Descrição geral das ligações

O dispositivo EAT é alimentado pelo ativo no qual está a instalar o dispositivo. Pode ligar à fonte de alimentação do ativo utilizando uma ligação de 2 ou 3 fios. A aplicação Reveal Hardware Installer solicita-lhe que selecione uma delas.

  • Geralmente, o método de 2 fios é utilizado em reboques.
  • O método de 3 fios, em que o terceiro fio está ligado à ignição, é geralmente utilizado em ativos de equipamento pesado (ferro amarelo), como retroescavadoras e buldózeres.
  • Práticas recomendadas para ligação de fios

Esquema de ligação do feixe de fios do dispositivo

O dispositivo EAT possui um feixe de fios moldados de 4,7 m (15,4 pés), grande potência e de entrada e saída, cujos fios terminam com estes códigos de cor e extremidades sem revestimento:

Cor do fio Função Diâmetro do fio
[AWG (mm2)]
Vermelho Cabo de alimentação da bateria+ com porta-fusíveis de 3 amperes 22 (0,34)
Branco Cabo de alimentação da ignição com porta-fusíveis de 3 amperes 26 (0,14)
Preto Fio de terra 22 (0,34)
Violeta Fio do acionador da entrada digital 1 [+] 26 (0,14)
Riscas violeta/preto Fio de referência da entrada digital 1 [-] 26 (0,14)
Azul Fio de referência da entrada digital 1 [-] 26 (0,14)
Riscas azul/preto Fio de referência da entrada digital 2 [-] 26 (0,14)
Castanho Saída da saída digital 1 [+] 26 (0,14)
Verde Saída da saída digital 1 [-] 26 (0,14)
Cinzento Entrada/saída de fio único (atualmente não utilizada) 26 (0,14)
  • A E/S de fio único não está disponível neste momento, mas está planeada para uma fase posterior.
  • Na realidade, o fio de terra é composto por três fios de terra unidos na extremidade exposta, dando a impressão de se tratar de um único fio.

Fusíveis

O feixe de fios do dispositivo inclui dois porta-fusíveis estanques, cada um contendo um fusível minilâmina 3A substituível. Por conseguinte, não é necessário unir fusíveis durante a instalação. É possível adquirir fusíveis de substituição, se necessário, em qualquer loja de peças de automóveis. Os fusíveis encontram-se no fio de alimentação VCC vermelho e no fio de ignição branco do dispositivo.

EAT_Fuse_Holders.png

Ligação à fonte de alimentação através do método de 2 fios

  1. Ligue o fio vermelho do dispositivo à fonte de alimentação contínua de +12/24 V do ativo.
  2. Utilize um terminal de anel para ligar o fio de terra preto do dispositivo ao terminal negativo da bateria do ativo ou utilize um parafuso autorroscante e um terminal de anel para ligar o fio de terra preto do dispositivo a um ponto de terra do chassi.
  3. Recolha e prenda qualquer comprimento adicional do feixe de fios do dispositivo.
    Não corte o feixe de fios para o encurtar, exceto se o cliente o pedir. O encurtamento do feixe de fios limita a capacidade de utilização do dispositivo se for transferido para outro ativo no futuro e aumenta a probabilidade de ocorrerem erros nas ligações de fios.

Instalação com 2 fios para semirreboques frontais através de um conector de 7 vias

  1. Retire a placa de montagem do conector de 7 pinos.

  2. Monte a unidade no reboque utilizando o equipamento de montagem fornecido.

  3. Utilize um orifício de passagem já existente ou, se não houver nenhum disponível, faça um orifício de passagem no corpo do reboque. No caso de um novo orifício, passe o feixe de fios por uma anilha.

  4. Insira a extremidade do feixe de fios no interior da parede do reboque em direção ao conector de 7 vias.

    • Se for necessário, retire as ligações dos fusíveis pré-instalados do feixe de fios do dispositivo, para permitir a passagem do feixe de fios.

    • Crie um circuito de drenagem no feixe de fios para impedir a condensação de chegar às ligações elétricas.

    • Se utilizar uma anilha, insira-a no orifício de passagem. Aplique uma camada de silicone à volta da anilha para vedar a passagem.

  5. Puxe o feixe de fios pelo conector de 7 pinos.

  6. Volte a ligar os fusíveis utilizando conectores de topo termorretráteis e verifique se existe um fusível de 3–5 amperes.

  7. Separe os fios preto e vermelho do feixe de fios.

    • Fixe os fios não utilizados à bainha do feixe de fios com fita isoladora (não os corte para ajustar o comprimento).

  8. Ligue o fio de terra preto do dispositivo ao fio branco do reboque/pino superior do conector de 7 vias do reboque, utilizando um terminal de anel termorretrátil ou o método de "empurrar e enrolar".

  9. Ligue o fio de alimentação VCC vermelho do dispositivo ao fio "aux" azul do reboque/pino central do conector de 7 vias do reboque, utilizando um terminal de anel termorretrátil ou o método de "empurrar e enrolar".

    Não ligue o fio de alimentação vermelho às luzes de circulação ou luzes indicadoras, exceto se tal for especificamente pedido pela Verizon Connect.


Diagrama do conector de 7 pinos para semirreboques

Este diagrama do conector de 7 pinos para semirreboques mostra as cores da cablagem e a disposição dos pinos típicas.

Wire colours.png

O fio vermelho do EAT tem de ser ligado à alimentação positiva da bateria através do circuito AUX/ABS do semirreboque, que é codificado com a cor azul pela especificação J560 e corresponde ao pino n.º 7 no centro, quando se está de frente para o conector de 7 pinos.

  1. Revista as ligações dos terminais de anel acabadas de instalar com massa dielétrica ou spray anticorrosão de proteção de terminais, se necessário, e utilize um revestimento de fios para proteger as partes sobrantes dos fios expostas que não estejam protegidas pelo revestimento do feixe de fios do dispositivo.

  2. Volte a montar a placa de cobertura de 7 pinos.
    Consulte as cores da cablagem e a disposição dos pinos típicas acima.
    Ligue o fio de alimentação vermelho do dispositivo ao fio auxiliar azul do reboque.
    Ligue o fio de terra preto do dispositivo ao fio de terra branco do reboque.

    Não ligue o fio de alimentação vermelho às luzes de circulação ou luzes indicadoras, exceto se tal for especificamente pedido pela Verizon Connect.

Ligação à fonte de alimentação através do método de 3 fios

  1. Ligue o fio de alimentação VCC vermelho do dispositivo à fonte de alimentação da bateria contínua de +12/24 VCC do ativo. Se efetuar a instalação num semirreboque, utilize o fio AUX/ABS (localizado no conector de 7 pinos) para a alimentação.
  2. Ligue o fio de terra preto do dispositivo ao terminal negativo da bateria do ativo. Se isso não for conveniente, ligue antes a um ponto de terra do chassi no ativo, utilizando um terminal de anel e um parafuso autorroscante ou uma cavilha de fábrica.
  3. Ligue o fio de ignição branco do dispositivo à ignição/comutador de +12/24 VCC do ativo. A fonte de ignição do ativo varia consoante o tipo de ativo; pode estar localizada no botão de ignição ou na caixa de fusíveis do ativo.
  4. Recolha e prenda qualquer comprimento adicional do feixe de fios do dispositivo.
    Não corte o feixe de fios para o encurtar, exceto se o cliente o pedir. O encurtamento do feixe de fios limita a capacidade de utilização do dispositivo se for transferido para outro ativo no futuro e aumenta a probabilidade de ocorrerem erros nas ligações de fios.

Instalação com 3 fios para reboques refrigerados

A maioria dos reboques requer uma instalação com 2 fios, mas os reboques refrigerados requerem, normalmente, uma instalação com 3 fios. Para além dos três fios principais, deve ser utilizado um fio de entrada digital para permitir a monitorização das horas de funcionamento do motor de refrigeração através do respetivo circuito de ignição.

Ligação aos sensores digitais de entrada/saída

Após a instalação dos fios principais do dispositivo, pode proceder à ligação da cablagem de E/S dos sensores, se solicitado na ordem de serviço. As funções dos sensores, como PTO (Tomada de força), retranca, porta traseira ou luzes, são uma parte opcional da instalação. Se a instalação não incluir ligações de E/S, ignore esta secção e avance para concluir a instalação de acordo com as instruções da aplicação Reveal Hardware Installer.

O dispositivo EAT tem as seguintes opções de E/S:

  • Duas entradas digitais. Estas entradas podem alternar entre polaridade positiva ou negativa, pelo que não são necessários quaisquer relés. Cada entrada tem dois fios, um para o alto (positivo) e outro para o baixo (negativo). Quando cada uma das entradas é utilizada, é necessário ligar os dois fios.
  • Uma saída digital. A saída digital fornece uma potência de saída negativa de 200 mA. Normalmente, a saída digital é utilizada para fornecer energia à bobina de relé ou funciona como um sinal sonoro ou luminoso (LED).
  • Entrada e saída de fio único (um fio para as duas). A E/S de fio único ainda não é suportada por este dispositivo; por conseguinte, o cabo cinzento de fio único do dispositivo não será utilizado neste momento, mas a sua utilização está prevista para uma fase posterior do produto.

Montar o dispositivo

Passo 9: Montar o dispositivo

As instalações que exijam a utilização de uma escada não são aconselháveis. Contudo, no caso de trabalhos em altura, é da responsabilidade do instalador garantir a observação dos procedimentos de segurança devidos.

Antes de perfurar, certifique-se sempre de que não irá danificar qualquer equipamento adjacente ou estruturas de ROPS.

  1. Certifique-se de que o ativo se encontra numa localização com um bom sinal de rede e GPS. Evite localizações suscetíveis de terem sinais fracos (por exemplo, no interior de edifícios ou por baixo de estruturas de metal).
  2. Desloque o dispositivo para o local onde pretende montá-lo, ative-o e teste-o da seguinte forma.
    1. Prima o botão de estado uma vez para ativar o dispositivo.
    2. Prima o botão de estado uma segunda vez para iniciar as verificações de estado do dispositivo.

      Uma luz LED de rede móvel fixa indica uma ligação de rede bem-sucedida.
      Um LED de GPS a piscar lentamente indica que o dispositivo está à procura de sinal GPS (mas não indica que o bloqueio do sinal GPS foi bem-sucedido).
  3. Segurando firmemente o dispositivo na localização onde vai ser montado, marque cuidadosamente as posições dos quatro orifícios de montagem.
  4. Quando estiver satisfeito com a localização da montagem, faça os orifícios de montagem.
    A perfuração prévia dos orifícios de montagem facilita a inserção dos parafusos de montagem.
  5. Fixe o dispositivo ao ativo com os parafusos ou as cavilhas incluídos.
    Não utilize rebites ou parafusos escareadores para fixar o dispositivo. Não aplique torque excessivo aos parafusos ou às cavilhas. (Isto pode rachar ou partir o plástico à volta dos orifícios de montagem.)

Sugestões adicionais de montagem do EAT

Consulte as sugestões de montagem e orientação do EAT para ver exemplos de localizações de instalação em semirreboques, reboques de plataforma e reboques rebaixados, bem como detalhes sobre a orientação de montagem preferida da Verizon Connect.

A forma como o dispositivo é montado ou orientado pode afetar o seu desempenho.

A montagem do dispositivo debaixo do chão, dentro de reboques e contentores metálicos fechados pode limitar a aquisição de sinal e a transmissão de dados. Não recomendamos a montagem do dispositivo virado para baixo, debaixo de um ativo, porque isso pode prejudicar a precisão dos relatórios.

Apesar de o EAT ter a classificação IP67, recomenda-se que seja mantido afastado da pulverização de água de alta pressão. Deve também evitar fontes de calor elevado (82 °C), peças móveis e áreas que o exponham a danos provocados por detritos.


Montagem vertical do dispositivo numa superfície vertical

vertical_vertical_preferred.png

Ao montar o dispositivo na vertical numa superfície vertical, a orientação preferida é com a marca de verificação da Verizon do lado direito virada para cima. Isto coloca o botão de estado na parte de baixo, onde está menos exposto aos elementos.

Montagem horizontal do dispositivo numa superfície vertical

vertical_horizontal_preferred.png

Ao montar o dispositivo na horizontal numa superfície vertical, a orientação preferida é com a etiqueta do dispositivo (etiqueta não apresentada na imagem) virada para baixo. Isto ajuda a evitar o desgaste da etiqueta pelos elementos.

Montagem do dispositivo numa superfície horizontal

horizontal_horizontal_preferred.png

Ao montar o dispositivo numa superfície horizontal, a marca de verificação da Verizon, ou seja, a parte da frente do dispositivo, deve ficar virada para cima. A montagem do dispositivo virado para baixo não é recomendada, uma vez que tal pode afetar a precisão dos relatórios.

Exclusão de responsabilidade

A Verizon Connect não tem qualquer responsabilidade por quaisquer danos que resultem ou estejam relacionados com a sua utilização dos nossos serviços, incluindo o localizador de veículos e câmaras de tablier, de forma contrária a estas instruções ou em violação da lei e/ou do nosso contrato. O hardware de monitorização ligado à porta de diagnóstico em qualquer veículo com dispositivos de terceiros também ligados à porta de diagnóstico pode provocar interferência ou perda de funcionalidade do dispositivo de terceiros. Estes dispositivos de terceiros incluem, entre outros, elevadores de cadeiras de rodas, equipamento de socorrismo, luzes de emergência e radares de controlo de velocidade. Caso exista um conflito, contacte o apoio ao cliente da Verizon Connect para que o hardware seja configurado para suportar o dispositivo de terceiros. Se não o fizer, a Verizon Connect fica isenta de qualquer responsabilidade por danos que resultem ou estejam relacionados com a sua utilização dos dispositivos. Os dispositivos instalados apenas poderão ser removidos e transferidos para outro veículo se a compatibilidade do segundo veículo tiver sido testada, de acordo com as (presentes) instruções. As transferências entre veículos que não seguirem as (presentes) instruções tornam inválidas todas e quaisquer garantias da Verizon Connect e isentam a Verizon Connect de qualquer responsabilidade por danos que resultem ou estejam relacionados com a sua utilização dos dispositivos.


Este artigo foi útil?


Utilizadores que acharam útil: 0 de 0